A Lição que vem do Amar

tumblr_static_b6oum6n4bdc808o448cok0k8k

Vamos combinar: quando é amor verdadeiro não tem essa de acabar. A chama pode diminuir, até apagar, mas o amor não acaba.

Mesmo esfriando como o café, sendo distante como a Lua é da Terra, o amor sobrevive à tudo isso. O amor não é algo fraco que desaparece com qualquer dificuldade. Não é mesquinho, não é sarcástico, muito menos hipócrita.

E as cartas escritas quando se ama? Já dizia Fernando Pessoa: “As cartas de amor, se há amor, têm de ser ridículas.” E digo mais, o ato de amar é ridículo. Todos aqueles apelidos fofinhos que os casais se dão, as declarações tiradas de filmes, os ursos gigantes e tudo o mais, ridículo. É ridículo, mas ninguém vive sem. Podemos até passar uma boa parte de nossas vidas negando a nossa necessidade de amor, mas a verdade é que uma hora ele nos atinge e só então descobrirmos o que é viver e o que são os sentimentos. Todos eles.

Ninguém sabe o que é ser totalmente feliz até amar, ninguém sabe como é se sentir especial até ser amado; não sabemos o que é sofrer até amar, não sabemos o que é o ciúmes até amar e até o ódio é desconhecido por nós antes do nosso coração pertencer a outro alguém. Só conhecemos a saudade quando perdemos o nosso bem amado e só sabemos o que realmente é dor quando temos nosso coração partido.

Descobrimos que é algo que vai além de uma dor física, de qualquer doença. Pois, na maioria das doenças a cura começa de fora pra dentro já quando se tem um coração em pedaços é totalmente ao contrário. É nossa alma que fica doente e a cura geralmente se torna longa.

Complexo, não? Como tudo isso cabe dentro de um só corpo, aliás de um só coração. Pois é, amigo, mas assim é o amor. Algo muito maior do que possamos imaginar e ao mesmo tempo algo que pode ser demonstrado num gesto pequeno. Algo que faz com que seja bonitinho ser ridículo como disse Fernando Pessoa.

Mas qualquer que seja o caminho que esse amor tome, bom ou ruim, sempre nos ensina algo muito valioso que desconhecemos: o quanto somos capazes de aguentar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s