Tempo e Lembranças

tumblr-girl-photography-bcpv8grg

O tempo cura. Sim, é verdade.

Com uma boa dose de tempo após uma grande decepção, a dor se torna amena e quase inexistente. Com o tempo você amadurece, percebe que algumas das coisas pelas quais chorou não valiam tanto a pena assim. Percebe que a dor que sentiu por certas pessoas foram desnecessárias. Pois é, o tempo cura tudo isso. Cura, mas não apaga.

Mesmo que anos se passem após o dia em que você achava que o mundo ia acabar por ter perdido alguém, após o dia em que você se pôs a chorar no travesseiro até dormir, mesmo assim, se nos lembrarmos, mesmo que de forma remota, daquele dia, vamos sentir uma leve pontada onde mais nos machucou, uma leve angústia pesando em nossas costas como uma cruz.

Confesso que se pudesse escolher entre esquecer e continuar com dor ou lembrar, mas não sentir mais nada, eu ficaria com a segunda (e eu acabei de decidir). Escolheria a segunda, mesmo que trinta anos depois eu sinta uma pontada no peito, pois essa mágoa que o tempo cuidou de curar, faz parte de quem eu sou, ou vou ser. Define minhas escolhas, minhas cautelas, meus medos.

A dor, seja ela física ou sentimental, está no destino de todo indivíduo. Todos a enfrentaremos mais cedo ou mais tarde, mas não se preocupe; o choque da dor é bem rápido, o que demora mesmo é a cura. E talvez você seja sortudo o bastante para não se lembrar o motivo pelo qual chorou, nem da forma mais remota.

Para os que ainda lembram… bem, talvez não tenha se passado tempo suficiente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s